Autor: Inácio Araujo

De nossa realidade

Não acho o juiz Moro um herói nem nada parecido. É um idiota como seus admiradores. O que ele me parece mais é o conceito reichiano de couraça caracteriológica tornado gente. Todo defesa. Todo proteção que se torna ataque para não ter de descobrir quem é. Mais ou menos que nem a Mercedes McCambrige no Johnny Guitar que quer matar todo mundo porque têm medo de sua feminilidade. Nada mais profundo. É diferente do juiz negro que agora tem para presidente. Também não daria certo. Esse preza muito a liberdade e não tem paciência. Tem dor nas costas. Qualquer um com dores crônicas fica irascivel. Não é  bom para um presidente.